Mostrando postagens com marcador Política. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Política. Mostrar todas as postagens

Carro estacionado em frente a radar recebe multas por excesso de velocidade

New Orleans resident keeps getting speeding tickets for his parked car
Donald Schultz, habitante de Nova Orleans, mora perto de um radar de detecção de velocidade de veículos. Desde 2011, quando deixa seu carro estacionado em frente à sua casa, e de frente ao radar, já recebeu dez multas por excesso de velocidade, ainda que seu Nissan Frontier estivesse parado!

O radar detecta excesso de velocidade quando o veículo passa por ele a mais de 35 MPH (55 km/h). Só que, às vezes, em vez de registrar a placa do veículo infrator, lê a placa da picape de Schultz.

Old Black Bloc

Brazillian Black Bloc Protester
- Filho, eu descobri essas coisas no seu armário...

- Qual é o problema de ter uma máscara do Anonymous e um taco de beisebol?

- Você usa isso?

- Não... quer dizer, às vezes.

- É que estou precisando, será que você me empresta?

- Precisando..? Pra quê?

- É que eu li as coisas que você andou escrevendo na internet...

- Você andou lendo meu Face?

- Qual é o problema, não é publico?

- É, mas...

- Pois é, eu li o que você escreveu, e...

- Pai, eu sei que você não gostou do que eu escrevi lá, mas eu não vou discutir, são as minhas idéias... Eu tenho 27 anos! Sou anarquista, e...

- Não! Eu achei legal! Você me convenceu!

- Convenceu?? Do quê?

- Tá tudo errado mesmo! Você faz bem em nunca ter trabalhado. Eu li o que você escreveu e concordo. Agora eu sou anarquista também, que nem você!

- Você o quê??? Pai, que história é essa?! Você está maluco??

- É, você fez a minha cabeça! Tem que quebrar tudo mesmo! Agora eu sou "Old Black Bloc"!

- Pai, você não pode! Você é diretor de uma empresa enorme! E...

- Não sou mais não, larguei meu emprego, e mandei meu chefe tomar no ... Mandei todo mundo lá tomar no ...

- Pai, você não pode largar o seu emprego, você está lá há 30 anos! Isso é um absurdo!

- Posso sim, aliás já tô juntando uma galera pra ir lá e quebrar tudo!

- Quebrar tudo onde???

- No meu trabalho, vamos quebrar TUDO! Abaixo a opressão! Abaixo tudo! Sou contra TUDO!

- Você não pode fazer isso Pai!

- Posso sim! É só você me emprestar a máscara e o taco de Baseball. Você vem comigo?

- Não, acho melhor não...

- É melhor você vir junto, porque agora que eu larguei tudo, a gente vai ter que sair deste apartamento.

- Sair daqui? E a gente vai morar onde??

- Sei lá! Vamos acampar em frente a uma empresa Capitalista qualquer e exigir o fim do Capitalismo!

- Pai, você não pode fazer isso, não pode abandonar tudo!

- Tô indo, fui!

- Peraí, pai! Paaaaaai! E minha mesada, e meu carro? Onde eu vou morar?? E as minhas férias em Floripa? Minhas compras em Miami? E meu computador, meu tablet? E minha internet de fibra ótica? Volta aqui! Volta aqui, pai! Voooooltaaaaaaa!

Como dizia Margaret Thatcher: o Socialismo é muito bom, mas só enquanto durar o dinheiro... dos outros.

Coreia do Norte: Viagem ao País Mais Secreto do Mundo


Ele é o mais jovem ditador do mundo inteiro. Kim Jong-un tem o controle quase total sobre o que o mundo vê sobre a Coreia do Norte e sobre o que os norte-coreanos vêem sobre o resto do mundo.

Contudo, há agentes infiltrados dentro do país, que filmam secretamente, para revelar aquilo que o regime tenta esconder com tanto empenho. E as pessoas que conseguiram fugir estão enviando ilegalmente informações para a Coreia do Norte para tentar terminar com o feitiço da propaganda.

Este documentário, produzido pela Hardcash Productions em parceria com as emissoras de televisão inglesa Channel 4 e norte-americana WGBH, e dublado pela emissora de televisão portuguesa TVI, revela a insatisfação que existe em relação ao regime, e dá esperança às pessoas de que o fim de Kim Jong-un pode chegar em breve.

Kim Jong-un está lutando contra uma revolução digital, na qual poderá ser não as armas que derrubarão o regime, mas sim a cultura pop.

Michigan impõe taxas de licenciamento mais caras para veículos elétricos e híbridos porque eles consomem menos combustível

2016 Tesla Model S P85D
A partir de 2017, proprietários de veículos híbridos e elétricos registrados no Estado de Michigan, Estados Unidos, terão que desembolsar mais dinheiro para manterem seus carros legalizados para condução em vias públicas.

Isto porque o Estado de Michigan resolveu taxar mais os carros com estes tipos de motorização. A ideia surgiu pois estes veículos consomem menos gasolina, e como usam as mesmas estradas que os carros com motores à combustão simples, não geram o mesmo retorno em impostos para o governo.

Como Donald Trump ajudou a criar a USFL, liga de futebol americano que rivalizou com a NFL

Donald Trump USFL
A National Football League (NFL) não é o único campeonato de futebol americano existente nos Estados Unidos. Várias ligas de âmbito estadual e regional estão espalhadas pelo território do Tio Sam.

É claro que a NFL nunca esteve sozinha. Várias outras ligas tentaram rivalizar com ela, tanto que a NFL como conhecemos surgiu de uma fusão com uma concorrente, a AFL.

Nunca se falou tanto sobre Donald Trump. Empresário bem sucedido, dono do Miss Universo, e agora, presidente do mundo... quer dizer, dos Estados Unidos da América. Nunca se falou tanto dele ultimamente.

Qual a relação entre Donald Trump e a NFL? Bem, não é das melhores. Afinal de contas, Trump tentou rivalizar com a NFL. E o término desta partida não foi nada amistoso.

Tiririca tira o bigode para não ser comparado a Waldir Maranhão



Brasil, onde o palhaço fala sério e o presidente faz palhaçada.

Celebrity Defector: conheça Yeon-Mi Park, a desertora do regime da Coreia do Norte que se tornou estrela de TV na Coreia do Sul, satirizando seu país de origem


O programa "Dateline", da emissora de televisão australiana SBS, traça o caminho que a jovem Yeon-Mi Park e sua família tomaram para escapar da Coreia do Norte. Durante o trajeto, teve que enterrar o corpo do pai às escondidas, na calada da noite.

"Não havia ninguém que eu pudesse chamar para ajudar, ninguém foi ao funeral de meu pai", disse Yeon-Mi Park. Seu pai era um membro do partido, e havia sido condenado a 17 anos de trabalho forçado, por contrabandear mercadorias para a China e vendê-las no mercado negro.

Depois de uma jornada de dois anos, e presumindo que sua irmã havia morrido no caminho dos fugitivos do regime norte-coreano, Yeon-Mi finalmente chega a Seul.

Agora, vivendo na Coreia do Sul, Yeon-Mi Park comanda um programa infantil, "On My Way To Meet You", que mostra de forma bem-humorada o regime totalitário criado por Kim Il-Sung e administrado pela dinastia Kim. Com isso, tornou-se uma celebridade.

"É claro que tudo que é mostrado oficialmente sobre a Coreia do Norte é apenas propaganda, eles não querem que as pessoas saibam da verdade, os bastidores são realmente horríveis", disse Yeon-Mi Park.

A estrofe que ninguém canta: a verdade sobre o trecho do hino do Rio Grande do Sul que os deputados cortaram na década de 1960

Documentário entrevista personagens e deputados da época para desvendar por que uma estrofe inteira foi suprimida

Entre nós reviva Atenas
Para assombro dos tiranos
Sejamos gregos na glória
E na virtude, romanos


Esta estrofe de quatro versos, que exaltava a democracia e desprezava os "tiranos", foi cortada do Hino Rio-Grandense em 1966. Neste pequeno documentário, os jornalistas Luciano Potter e Paulo Germano investigam o mistério sobre a lei que retalhou o hino gaúcho.

Teria a ditadura algo a ver com isso?

Férias na Coreia do Norte


Um grupo de turistas franceses chega à Coreia do Norte para passar duas semanas no país, e realizar um tour que é autorizado a poucos, que vai da capital, Pyongyang, passa pela Zona Desmilitarizada, vai até a fronteira com a China e termina em Chongjin.

Durante a viagem, visitam uma escola, os principais pontos turísticos do pais e uma aldeia militar, onde são constantemente monitorados, seja pelos próprios guias, como por câmeras de vigilância, e a maioria das fotos tiradas e vídeos filmados são terminantemente excluídos das memórias das câmeras.

Coreia do Norte: Por Trás da Cortina do Medo


Em 2009, Ana Paula Padrão foi até a Coreia do Norte. Depois de muitas negociações, a equipe do SBT conseguiu entrar no país. Toda a visita foi planejada pelos norte-coreanos nos mínimos detalhes.

Foi difícil para os jornalistas fazerem transparecer a realidade do dia-a-dia de um cidadão norte-coreano. Não foi possível entrar na casa de ninguém. Dos poucos que andavam pela rua, apenas algumas pessoas, escolhidas a dedo pelo governo, puderam ser entrevistadas.

Os guias acompanharam a equipe durante 24 horas por dia, e muitos dos locais eram próprios para estrangeiros. A reportagem mostra muito pouco sobre a vida dos norte-coreanos, mas já é possível saber como funciona o país mais fechado do mundo, e mostra mais uma vez o controle que o regime comunista do Querido Líder exerce sobre tudo e todos, e o isolamento do povo da Coreia do Norte.

North Korea Undercover


O repórter John Sweeney, da BBC, passa oito dias sob sigilo dentro da Coreia do Norte, a ditadura mais controlada da Terra. Enquanto o seu comandante supremo, Kim Jong-un, tem ameaçado os Estados Unidos com uma guerra nuclear, John Sweeney testemunha pessoas que passam por uma lavagem cerebral há três gerações, e um regime satisfeito em dar a impressão de marchar rumo ao Armagedon, cenário de um vazio que vai além das palavras.

O resultado desta viagem é um documentário, apresentado no programa "Panorama", da emissora inglesa.