Mostrando postagens com marcador Circuit de la Principauté de Monaco. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Circuit de la Principauté de Monaco. Mostrar todas as postagens

O que faz Ayrton Senna bater na curva Portier no GP de Mônaco de 1988?


Assim como a volta voadora que Ayrton Senna completou na qualificação para o Grande Prêmio de Mônaco de 1988, sua colisão durante a 67ª volta da corrida também não foi filmada pela televisão.

Desde então, várias teorias foram levantadas a respeito do que fez Ayrton Senna a colidir? Erro do piloto? Falha mecânica? Furo em pneu? Tom Clarkson volta à curva Portier para tentar evidenciar o acontecido.

Veja uma simulação da pole de Ayrton Senna no GP de Mônaco de 1988 que nunca foi filmada

The Greatest Lap You've Never Seen | Monaco Qualifying 1988 Video Thumbnail
O Grande Prêmio de Mônaco de 1988 não ficou marcado na história apenas pelo fato de Ayrton Senna bater na Portier quando estava a mais de 50 segundos de distância do segundo colocado, Alain Prost.

Na qualificação, Ayrton Senna marcou a pole de 1:23.998, exatamente 1,427 segundo mais rápido que Alain Prost, que completou a primeira fila. Este feito é tão impressionante, mas sequer foi registrado pelas câmeras de televisão.

Crashed At Portier: veja a planilha de performance do carro de Ayrton Senna no GP de Mônaco de 1988

F1 1988 Monaco GP Ayrton Senna McLaren Performance Sheet
Mesmo mais de duas décadas da morte de Ayrton Senna da Silva, quando parece que mais nenhuma novidade sobre ele vai aparecer, eis que surge este documento escaneado.

Trata-se da planilha com os dados da participação do piloto brasileiro no Grand Prix de Monaco de 1988. Nela, você encontra dados sobre o chassis, pressão, cambagem e convergência dos pneus, as regulagens de suspensão, aerodinâmica, freios, carroceria, câmbio, quantidade de combustível na largada, e muito mais.

Veja Ayrton Senna quase atropelar um fiscal de pista durante o Grande Prêmio de Mônaco de 1991


Durante o GP de Mônaco de 1991, Ayrton Senna passou por um enorme susto nas ruas do Principado de Monte Carlo. No início da volta nove, ao frear para a primeira curva, a Sainte Dévote, um fiscal de pista resolveu atravessar a pista exatamente na frente de sua McLaren.

Ayrton admitiu no final da corrida que ficou bastante aliviado por nada ter acontecido e tudo não ter passado de apenas um susto. "Foi mesmo um susto tremendo, mas tentei me acalmar logo, ainda bem que nada aconteceu", disse aos jornalistas após a corrida.

O tricampeão venceu de ponta a ponta e ainda aplicou uma volta sobre o quarto colocado, Alain Prost, da Ferrari. Nigel Mansell e Jean Alesi completaram o pódio.

How Did Monaco Grand Prix's Famous Corners Get Their Names?


Sainte Dévote: é o mesmo nome de uma igreja, localizada logo atrás da barreira de pneus instalada na primeira curva.

Beau Rivage: em francês, significa "bela costa".

Massenet: esta curva, logo após a subida Beau Rivage, foi batizada em homenagem ao compositor de ópera Jules Massenet, cujo busto se localiza na frente da via pública/pista.

Ouça o polêmico trecho de áudio da comunicação entre a equipe Mercedes AMG e o piloto Lewis Hamilton pelo rádio durante o GP de Mônaco

EXCLUSIVE: Lewis Hamilton's Monaco Team Radio Video Thumbnail
O pit stop que custou a vitória de Lewis Hamilton no Grande Prêmio de Mônaco ainda dá o que falar duas semanas depois, em pleno final de semana no Canadá.

E a Fórmula 1 coloca mais lenha na fogueira, ao postar um vídeo no YouTube, com a transcrição da conversa que o engenheiro e o piloto da Mercedes AMG tiveram durante o Virtual Safety Car, acionado em razão do acidente provocado por Max Verstappen, que envolveu Romain Grosjean.

Monaco Grand Prix: how did La Rascasse get its name?


Ever wondered how La Rascasse got its name or what Le Portier really means?

Find out everything you need to know about the Monte Carlo street race.

Grande Prêmio de Mônaco de 1996: a única vitória de Olivier Panis veio após o caos provocado pela chuva no Principado

Monaco 1996: A shock win for Panis in the wet Video Thumbnail
Sábado, 18 de maio de 1996. Ameaça de chuva, os pilotos ocuparam as ruas de Circuito de Monte Carlo desde o início da qualificação. Michael Schumacher marcou o melhor tempo, a segunda pole consecutiva do alemão naquela temporada, a segunda na carreira em Mônaco e a primeira da Ferrari no Principado desde Jody Scheckter, em 1979, Damon Hill completou a primeira fila.

Domingo, 19 de maio de 1996. Com a pista ainda molhada, os pilotos partiram para a corrida. A combinação água e ruas estreitas resultou em um cenário incrível. Na largada, Damon Hill assumiu a liderança. Em menos de uma volta, cinco pilotos já sofreram acidentes e abandonaram a prova, incluindo Michael Schumacher e Rubens Barrichello. Cinco voltas depois, Pedro Diniz, Ricardo Rosset e Ukyo Katayama também saíram da pista.

Veja integrantes da equipe Williams vaiando Ayrton Senna após o Grande Prêmio de Mônaco de 1992

F1 1992 Monaco Grand Prix Williams members booing Ayrton Senna
Após a dura vitória de Ayrton Senna com seu McLaren, depois de resistir ao ataque de Nigel Mansell e seu Williams, os mecânicos da equipe de Grove vaiaram o brasileiro.

Nigel Mansell nunca venceria nas ruas do Principado de Monte Carlo, já que, mesmo conquistando o Mundial de Pilotos daquele ano, seria demitido por Frank Williams.

Já os mecânicos, bem... devem ter perdido uma grana na casa de apostas.