Mostrando postagens com marcador The Beatles. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador The Beatles. Mostrar todas as postagens

O Quinto Beatle: A História de João Buiú


No início do século XX, duas cidades rivalizavam o status de maior produtora de algodão para a indústria têxtil mundial: Liverpool, Inglaterra, e Campina Grande, interior do estado da Paraíba.

Reza a lenda que, nesta mesma época, ingleses trouxeram uma espécie de besouro, o bicudo, para exterminar as plantações paraibanas. Em uma dessas viagens, um filho de operários da indústria têxtil de Liverpool desembarcava na estação. Era James Paul McCartney.

Na Paraíba, Paul tem contato com um moleque chamado João Buiú, que lhe apresenta uma canção, que serviria de base para as composições de Paul, na mundialmente famosa banda "The Beatles".

Roteiro: Fernando Ventura
Direção e Produção: Ítalo Brito e Fernando Ventura
Dir. Fotografia: Ítalo Brito
Téc. Áudio: Fernando Ventura
Edição: Ítalo Brito e Fernando Ventura
Stills: Thays Carvalho
Assistência de Direção: Arthur Miná

Atores: Allancleryston Pequeno, Bruno Lira, Chico Oliveira, Emídio Medeiros, Hugo Lira, Natan Dias

John Lennon's funny interviews in 1964


First clip from British Embassy, Washington D.C. 2/11/1964

Q: "Which one are you?"

JOHN: "Eric."
(to person off-camera) "It's not for me, it's for Paul. I'm doing the sh-"

Q: (gesturing to the TV camera) "Eric, here is the American public..."

JOHN: "I'm John."

Q: "You're John?"

JOHN: "It was only a joke."

Q: "Well John, here is the American public. Forty million American viewers..."

JOHN: "It only looks like one man to me. Oh, it's the camera man."

Q: "What is your impression of the American public? You've been here for a while, now."

JOHN: "They are the wildest."

Q: "Why?"

JOHN: "I don't know. Tonight was, you know, marvelous. Ridiculous. Almost eight-thousand people all shouting at once, and we were trying to shout louder than them with microphones, and we still couldn't beat 'em."


Second clip from AP & CBS News, Plaza Hotel 2/10/1964

Q: (reading from newspaper) "...[a music critic] said that you had 'unresolved leading tones, a false modal frame ending up as a plain diatonic.' What would you say to that?"

JOHN: "We got to see a doctor about that."

(laughter)

PAUL: "No, he's just copying the fella in the London Times."


Third clip from Press Conference in Sydney Australia 6/11/1964

JOHN: it's just rock and roll, you know. It just happens we write it."

Q: "Well, what do you think made the difference that suddenly pushed you up above the other groups?"

JOHN: "Well..."

GEORGE: "We got a record contract."

(laughter)

Letra de "Lucy in the sky with diamonds", de John Lennon, vai a leilão


A letra manuscrita por John Lennon da canção "Lucy in the Sky with Diamonds" será levada a leilão, em mais uma das muitas peripécias envolvendo essa música dos Beatles. A casa de leilões Profiles in History disse na quarta-feira que espera obter mais de US$ 200 mil pela folha de papel contendo o esboço da letra. O leilão está marcado para o mês que vem em Beverly Hills.

O papel contém as primeiras versões da canção, e um esboço mostrando quatro pessoas em uma sala com cortinas nas janelas.

Quando a canção foi lançada, no álbum "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band" (1967), ouvintes e a mídia especularam que a música fazia uma alusão mal disfarçada à droga LSD, por causa das iniciais de "Lucy", "sky" e "diamonds". Lennon sempre contestou essa tese, embora sabidamente tenha experimentado drogas. O artista dizia que só mais tarde percebeu a coincidência com as iniciais.

Como Lennon e outros já explicaram, a inspiração veio do filho dele, Julian, que era criança na época e fez um desenho de uma colega de classe chamada Lucy. Julian teria mostrado o desenho ao pai e dito: "Essa é a Lucy no céu com diamantes".

Uma britânica chamada Lucy Vodden, cujo sobrenome de solteira era O'Donnell, revelou em 2007 que havia inspirado a canção. Ela morreu em 2009.

O Globo

Manuscrito de "A Day In The Life", letra polêmica dos Beatles, será leiloado




Um leilão que será realizado no dia 18 de junho, em Nova York, nos Estados Unidos, permitirá que algum beatlemaníaco endinheirado leve para casa uma importante parte da história dos Beatles.

A letra de A Day In The Life, em duas páginas, traz edições de Lennon feitas à mão, e deve ser de quem estiver disposto a desembolsar entre 500 mil e 700 mil dólares por ela.

A música foi considerada pela revista Rolling Stone como a 26ª melhor da história, em uma lista que continha 500 canções. O álbum Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band ganhou quatro Grammy em 1968, quando foi lançado.

A letra causou controvérsia, quando o disco chegou às lojas, e chegou a ser banida da programação da rádio inglesa BBC, por conter versos que poderiam fazer apologia ao uso de drogas. Cópias do disco na Ásia tiveram a música cortada dos exemplares.

Além deste trecho, a música também faria, segundo fãs da banda, referência a um acidente de carro que matou o playboy londrino Tara Browne, herdeiro do clã irlandês Guiness e grande amigo de Paul McCartney e Lennon.



Outro papel contendo uma letra de música escrita à mão, desta vez, por John Lennon, era da canção All You Need Is Love, de 1967, foi vendida em 2005, por um milhão de dólares.

Blame Ringo - Garble Arch

O clipe "A Day in the Life of Abbey Road" é uma filmagem de um dia na famosa esquina Abbey Road, a mesma da capa do álbum homônimo dos Beatles. Algumas pessoas esperam o movimento de carros diminuir para que possam tirar fotografias imitando os integrantes da banda de Liverpool.

A música Garble Arch é o primeiro single do álbum Lucky Number 9.