Comercial do 2019 Volkswagen e-Golf é banido no Reino Unido por apresentar estereótipos de gênero


O spot de trinta segundos acima, que a Volkswagen criou para o e-Golf possui algumas cenas dignas de nota e outras nem tanto, como pessoas acampando à beira de um penhasco, uma pessoa fazendo um sanduíche em uma cozinha, uma pessoa lavando roupa, pessoas em uma estação espacial realizando experimentos, uma pessoa que possui uma perna amputada praticando salto em distância, e uma pessoa no parque com um carrinho de bebê.

Conectando as cenas, uma mensagem diz: "quando aprendemos a nos adaptar, podemos conquistar qualquer coisa". Isto parece uma propaganda simples e direta, mas há algo a mais acontecendo aqui?

De acordo com um artigo da CNN, há. A Agência de Padrões de Publicidade do Reino Unido baniu este vídeo porque demonstra "dolorosos" estereótipos de gênero. Regras recentes sobre isso passaram a surtir efeito no Reino Unido em junho de 2019.

Especificamente, a seção 4.9 listada no site da UK Advertising Standards Agency diz: "as comunicações de marketing não devem incluir estereótipos de gênero que possam causar danos, ofensa grave ou generalizada". De acordo com o relatório da CNN, três reclamações foram feitas contra este anúncio.

Com isto em mente, mudar detalhes da primeira frase deste texto certamente apresenta um quadro muito diferente. O anúncio apresenta um homem acampando à beira de um penhasco, uma mulher fazendo um sanduíche em uma cozinha, uma pessoa não identificada lavando roupa, embora o braço mostrado sugira que seja uma mulher, astronautas homens em uma estação espacial realizando experimentos, um homem que possui uma perna amputada praticando salto em distância, e uma mulher no parque com um carrinho de bebê.

Estas cenas descrevem facilmente situações da vida real, mas, seja intencional ou não, os homens desse anúncio são retratados de maneira muito diferente das mulheres, e isto retrata estereótipos comuns. Isto significa que a vida real é estereotipada? Ou estes estereótipos poderiam estar tão enraizados na sociedade a ponto de alterar a vida real de maneira negativa?

De qualquer forma, há uma versão do spot de trinta segundos com algumas cenas suprimidas. Você pode visualizá-lo clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário