O 1991 Benetton B191, pilotado por Nelson Piquet e Michael Schumacher, será leiloado

1991 Benetton B191
Um carro de Fórmula 1 que nunca havia sido posto à venda, mesmo tendo sido pilotado por dois campeões mundiais, agora faz parte de um leilão que será organizado pela Bonhams, no Circuto de Spa-Francorchamps, no dia 21 de maio.

Trata-se do 1991 Benetton B191, que foi pela primeira vez usado no Grande Prêmio de San Marino pelo piloto Roberto Pupo Moreno, antes de ser passado para Nelson Piquet, que conquistou aquela inesperada vitória no GP do Canadá, em Montreal.

Michael Schumacher, que estreava na Fórmula 1 naquele ano, também sentou no cockpit deste carro. Em 1992, o carro recebeu atualizações, e foi rebatizado B191B, e participou de três Grandes Prêmios, com Martin Brundle ao volante.

No final da temporada 1992 da Fórmula 1, o carro ficou em um museu. Em 2016, foi totalmente restaurado. O motor ainda é o mesmo Ford Cosworth V8 3.5 que impulsionou o carro na época, e desenvolvia 650 CV de potência a 13.000 RPM.
A Bonhams estima que, no leilão Spa Classic, que ocorrerá no mês que vem, o carro possa ser arrematado por um valor entre 750.000 e 950.000 euros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário