As mudanças nos carros de Fórmula 1 para 2017

F1's major car changes for 2017 Video Thumbnail
Visando aumentar a velocidade de curva dos carros de Fórmula 1 em 2017, os regulamentos de dimensões máximas de componentes foram "relaxados" a fim de se obter maior aderência.

A asa dianteira terá sua largura máxima aumentada de 1.650 mm para 1.800 mm. Os pneus dianteiros também serão mais largos, de 245 mm para 305 mm. A largura do chassis também aumentará, de 1.400 mm para 1.600 mm.

A largura dos pneus traseiros será aumentada para 405 mm. O difusor também ocupará um espaço maior, com sua inclinação iniciando a partir de 175 mm à frente do eixo traseiro. A altura máxima em que ele termina também passará 125 mm para 175 mm, e sua largura, de 1.000 mm para 1.050 mm.

O design da asa traseira também será diferente, com as placas laterais postadas diagonalmente para trás, para mover o ponto em que a estrutura de fluxo de ar do difusor interage com a asa traseira. A altura total foi reduzida de 950 mm para 800 mm, mas será 200 mm mais larga.

Um dos principais problemas que os carros de Fórmula 1 têm sofrido desde 2014 é o peso. Mesmo transportando cerca de 50 kg menos combustível, os seus motores 1.6 V6 turbo em conjunto com os sistemas híbridos ERS são bem mais pesados do que os V8.

Isto tende a ficar pior, com o aumento maior de peso em virtude dos pneus maiores, dos componentes de suspensão mais compridos e do chassis alargado.

Todas estas alterações têm efeito significativo sobre o estilo de pilotagem que precisará ser empregado. A intenção do pacote de mudanças é reduzir os tempos de volta em até cinco segundos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário