Westvleteren Abt 12, a melhor cerveja do mundo




Esta cerveja é produzida pelos monges da Abadia de St. Sixtus, na Bélgica.

A Ordem Trapista, à qual pertencem os religiosos, não permite a mais-valia nem o lucro pelo lucro, uma vez que prevalece o voto de pobreza. Os monges querem, a todo custo, ser reconhecidos como monges, e não como cervejeiros.

Por incrível que pareça, os monges estão sofrendo com isso, pelo fato de existir uma alta demanda pelo produto por sua fama, e tendo de produzir altas quantidades da cerveja, e com isso, lucrando.



Eles vivem uma espécie de paradoxo: como produzir a cerveja sem lucrar? Quem sabe, doando a grana ou diminuindo a margem de lucro...

Talvez você também queira ver...

Um comentário: